Veja o que dizem nossos ex-alunos

Sobre a Metodologia da METATEXTOS

 

Fé, entusiasmo e coragem: um lema que não me sai da cabeça nunca.
Escrever uma boa redação é uma tarefa desafiadora e bastante difícil, mas com fé no sucesso, entusiasmo para cada novo desafio e coragem para errar, o aprendizado se torna viável e duradouro. Um ano de aulas com a professora Selma: muita aquisição de vocabulário, conversas diárias sobre atualidades e seus detalhes – fundamentais para adquirir consistência em argumentos e conteúdo textual, além de instigação para a melhora progressiva.

Há 3 anos pude experienciar aulas num formato totalmente desafiador em relação às ministradas em um colégio convencional, nas quais a professora nos estimulava a buscar novas informações e novos vocábulos por conta própria. Todo o aprendizado permanece até hoje. Um dos meus maiores sonhos está a cada dia se tornando realidade: hoje curso o segundo ano do curso de Medicina. Uso os preceitos de como redigir um bom texto para elaboração dos trabalhos acadêmicos, sendo este um diferencial bastante importante e singular no contexto médico.
O que ficou mais evidente para mim? Nunca repetir palavras, sempre prestar atenção na concordância e coerência, diversificar ao máximo o vocabulário, usar termos cultos, ter sempre referências de credibilidade (sejam elas baseadas em argumentos de autoridades ou em fatos advindos das tão frisadas “atualidades” nas mais variadas áreas do conhecimento). Os elementos fundamentais nesta metodologia são a exigência e a perspicácia da professora Selma, os quais me despertarm não só para detalhes básicos, mas fizeram e ainda fazem toda a diferença para meu sucesso textual.
Quando a turma estava cansada ou talvez até desmotivada por algum motivo, era preciso repetir o lema: fé, entusiasmo e coragem, ecoado primeiramente pela voz da professora e em seguida pelo nosso coro, o coro de seus pupilos.

Diante a cada nova batalha diária, sempre repito em minha consciência as três palavras supracitadas, relembrando as superações do ano de pré-vestibular e criando motivações para seguir em frente, sempre de cabeça erguida e esperançosa para novas conquistas. Só tenho a agradecer à professora Selma: com ela cresci como aluna, como pessoa e como cidadã. Concordo plenamente com o fato de os alunos serem reflexos de seus mestres. Posso afirmar com toda certeza que parte de meu êxito como vestibulanda e como acadêmica de medicina se deve a ela.

Obrigada! Com carinho, de sua sempre aluna.

 

Luana Fatima Ramos

Bolsista Integral Graduação em Medicina  – Universidade Positivo - "Relação médico-paciente  não é satisfatória, Snif Doctor (www.snifdoctor.com.br) 

separador.png

Participei do curso de redação da professora Selma durante o terceiro ano do ensino médio, há sete anos. Posso garantir que ele superou minhas expectativas e pude aprender muito mais que simplesmente aprimorar o uso da gramática. Além de técnicas práticas que refinaram consideravelmente a qualidade de meus textos, aumentei meu vocabulário da língua portuguesa, pude perceber que textos complexos não devem nos assustar, pois conseguimos interpretá-los, entendi que escrever é uma arte que exige muita dedicação e percebi o quão importante é conhecer sobre o assunto que está sendo discutido. Para mim, essas aulas foram muito mais que uma preparação para o vestibular – elas reforçaram meu senso crítico e de interpretação em tudo o que leio e escrevo, incluindo o que se refere às variadas ciências e tecnologias. Em resumo, o aperfeiçoamento da escrita é um excelente investimento para todos que querem compreender melhor o mundo, expressar suas ideias e melhorar os desempenhos acadêmico e profissional.

Alexandre Garus

Engenheiro de Bioprocessos e Biotecnologia - Setor de Tecnologia - Universidade Federal do Paraná (2015) e Especialista em Engenharia de Produção - Lean Management (2017),  Bolsista do Programa Ciências sem Fronteiras (CsF), Austrália – Recursos: CAPES, CNPq e Empresas Parceiras

separador.png

"O tempo passava depressa quando se estava em sala de aula com a Selma, seja pelas várias lições aprendidas, seja em razão das duas ou três redações a serem feitas; ao olhar o relógio, quase sempre se constatava o fim de mais um encontro que, após alguns meses, passou a ser um dos mais esperados durante a semana. A fama de sua exigência mostrou-se mais do que verdadeira, mas também o sentimento de admiração e a consequente vontade de ler e escrever com mais qualidade. Vocabulário, técnica, humor, vocação e excelência, enfim, são os ingredientes que nunca faltam em suas aulas e esta receita, por assim dizer, vai além de aprovações e notas altas: marca definitivamente a vida daqueles que com ela têm contato."

Mayara Cortiano

 

 ENEM 2010 - nota 950 de 1000 na Redação - Honraria de melhor aluno do 5° período do curso de Direito no 1° semestre de 2013 do Centro Universitário Curitiba  (Unicuritiba) - Nota máxima na redação do Concurso do TRF 4a. Região (Cargo de Técnico Judiciário, Área Administrativa – 2014) -  Detentora do "Prêmio Professor Milton Vianna Filho", honraria concedida ao formando destaque do Curso de Graduação em Direito  da Unicuritiba, 2016 - 47ª posição (Técnico Judiciário) em Concurso do Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região, 2017 

separador.png